Lost in Los Santos

Uma das minhas câmaras avariou há duas semanas. A outra emprestei-a. Tirando as minhas máquinas de película, fiquei sem maneira de fotografar. Num momento de inspiração tive a ideia de pegar no jogo Grand Theft Auto V e usar a sua funcionalidade de fotografia. Neste jogo, os protagonistas possuem um telemóvel com câmara e é possível fotografar dentro deste mundo virtual. À aventura pela ilha fictícia de Los Santos. O desafio: descobrir se é possível criar fotografias interessantes fora da nossa "realidade".

O resultado é esta brincadeira que aqui vos apresento. E sim, não passa disso apenas: uma brincadeira. Mas uma brincadeira útil. Por muito controlo estético que as máquinas que usamos para trabalho profissional nos ofereçam, há princípios fotográficos que são aplicáveis em qualquer situação e com qualquer máquina fotográfica, seja ela uma câmara digital de topo ou um telemóvel num jogo. Atenção às linhas, à cor, aos contrastes visuais e conceptuais, às pessoas, à altura do dia, são sempre importantes, qualquer que seja o formato utilizado para fotografar.

Mas mais importante que tudo isso, é o darmos permissão a nós mesmos para explorar, brincar com métodos diferentes, experimentar, falhar, tentar de novo e não ter vergonha de fazer algo tão diferente como fotografar num jogo. 

Have fun!